quarta-feira, abril 1

Inconvenientes deste dia


Isto de ser Dia das Mentiras tem alguns problemas. Eu cá só consigo imaginar as intermináveis discussões entre velhotas e talhantes por esse Portugal fora:

'- Peço desculpa minha senhora, mas não temos entrecosto.'
'- Tem sim, eu sei que hoje é Dia das Mentiras, mas vá, dê-me lá o entrecosto...'
'- Hum... estou-lhe a dizer, não há.'
'- Vá lá, este dia já existia ainda tu não eras nascido, dá-me lá a carne!'

Deve ser complicado realmente... Mas pior deve ser fazer anos:

'- Então, porque estás tão contente?'
'- Porque faço anos!'
'- A sério? Não me parece...'
'- Faço, a sério!'
'- Deves estar à espera que eu grite Parabéns, para depois gritares Dia das Mentiras, só pode...'

É chato, é chato. E receber más notícias? Isso é que deve ser:

'- Lamento dizer-lhe, mas... tem cancro.'
'- Eu sei que hoje é Dia das Mentiras!'
'- Mas tem mesmo cancro!'
'- Deve ser, deve...'

Concluindo, dia 1 de Abril, todos somos mentirosos. Neste dia temos todos fama de Pinóquio. Tudo o que possamos dizer, há alguém que duvida por ser Dia das Mentiras. Tenho é pena dos doentes:

'- Aiiiii... Dói-me tanto...'
'- Pfft! Cala-te! É Dia das Mentiras, eu sei, não me enganas!'
'- Mas... aiiiiiiii...'
'- Força, finge à vontade...'

P.S. - Hoje é um belo dia para o Lucílio Baptista vir pedir desculpa pelo pénalti não acham?

1 comentário:

By A. disse...

Isso oi tipo eu na Fraidays Project:

- Desculpe tem o "S" daquele vestido verde ali?
- Hum, acho que não, mas posso ir verificar ao armazém. (passado um bocado) Oh, não, peço desculpa não temos.
- O quê? A senhora deve estar a mentir! Olhe que hoje é dia um de Abril! Tem de ter o "S" do vestido verde, ou eu morro já aqui!
- Sim, temos, menina, estava só a brincar consigo!

(é claro que não lhe chamei mentirosa nem nada dessas coisas, mas verdade verdade é que fiquei sem o vestido à mesma)